gvSIG: Mudei o Diretório dos Arquivos do Projeto! E agora?!

Há um tempo atrás, respondi um e-mail de um leitor de nosso site com uma dúvida sobre um tema que foi abordado agora na lista de discussão da comunidade gvSIG. Como pelo visto este é um problema que muitos têm enfrentado, achei interessante  dele numa postagem aqui no blog: Trabalhar com mudança de diretórios em arquivos de projeto.

OS ARQUIVOS GVP

Você que trabalha com o gvSIG sabe que uma das funcionalidades básicas oferecidas pelo programa é a possibilidade de gerenciar seus projetos através de arquivos de extensão gvp (gvSIG project). O que estes arquivos permitem?

Um arquivo *.gvp armazena internamente, na forma de metadados convencionais, configurações do projeto salvo em seções de trabalho do gvSIG. Por exemplo, definições de simbologia utilizadas nos documentos (vistas, tabelas e mapas) abertos na seção, permitindo que ao se iniciar uma nova seção  do programa não seja necessário adicionar novamente e mudar o visual das camadas de informação. Imagine como isso ajuda quando há diversos planos de informação numa mesma vista ou até várias vistas!

Uma palavra de cautela: O arquivo *.gvp NÃO armazena os dados geográficos em si mesmos (arquivos), mas sim o caminho absoluto até os mesmos. É ai que mora o perigo! Vamos entender a razão desse “perigo” mencionado.

COMO CORRIGIR A MUDANÇA DE DIRETÓRIOS NO GVSIG

Imagine que por algum motivo você teve que mudar a localização dos seus shapefiles que estavam sendo utilizados em determinado projeto. Por exemplo, suponha que seus dados estavam no diretório C:\PROJETOS e agora têm de ser transferidos para a pasta D:\PROJETOS.

Se em uma situação assim você simplesmente tentasse abrir seu arquivo de projeto (*.gvp) ocorreria um erro (veja a imagem ilustrativa abaixo) indicando que não é possível encontrar o (s) arquivo (s) que constavam no projeto, afinal foi alterado o caminho até os mesmos. O mesmo poderia ocorrer se a pasta for renomeada.

Erro: Arquivo não encontrado

Note que a mensagem de erro informa que o caminho salvo no arquivo de projeto é inválido e pede que se indique o local adequado.

Se em seu projeto for o caso de haver apenas um layer tudo bem usar este procedimento de indicar o caminho. Mas e se for o caso de várias camadas de informações estar com um referência inválida?

1° Passo: Abra o arquivo *.gvp utilizando algum editor de texto tipo bloco de notas.

2° Passo: Utilie a função SUBSTITUIR disponível em geral através dos atalhos Ctrl+H ou Ctrl+U.

No campo localizar (ou correspondente no seu programa) digite o caminho antigo até seus dados geográficos e indique na sequência o novo caminho até eles.

Mas atenção, é bom usar a função “Substituir Tudo” apenas se você tem plena certeza de que todos dados utilizados estão em uma mesma pasta.

Substituir

Após realizar as devidas substituições salve o arquivo do projeto e tente abri-lo numa nova seção de trabalho do gvSIG. Feito isso, tudo deve prosseguir normalmente.

E ai? o que acharam dessa dica? Deixe sua opinião nos comentários.

Curta nossa página no Facebook [PortalClickGeo] e siga nosso Twitter [@ClickGeo] para continuar atualizado sobre o Mundo das Geotecnologias.

Consultor em Geotecnologias, graduado em Geoprocessamento. Instrutor de diversos cursos, presenciais e online, sobre Geotecnologias com Softwares Livres com ênfase em QGIS, gvSIG, PostgreSQL/PostGIS, MapServer e i3Geo.

Você pode gostar...

5 Resultados

  1. Jorge disse:

    Bueno, twitter ayuda bastante http://twitter.com/search?q=gvsig 🙂

    Espero que esto de las rutas relativas se resuelva más pronto de lo que algunos creen, a ver si hay suerte!!

    • Olá Jorge,
      Imaginei que seria algo bem por ai mesmo, ou seja, a utilização do caminho relativo.
      Com certeza a próxima versão do gvSIG vai ser fantástica.

  2. Jorge disse:

    Con un poco de suerte pronto habrá novedades respecto a este asunto

    😉

    • Olá Jorge, muito bom ter você visitando aqui o Blog.
      Vamos ficar então na expectativa de novidades sobre este assunto nas próximas atualizações do gvSIG.
      Um Abraço!

  1. […] gvSIG: Mudei o Diretório dos Arquivos do Projeto! E agora?! […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *