5 Comments

Como Usar um Mapa

Como Usar um Mapa

Não é necessário dizer que um mapa pode ter várias utilidades. Podemos usá-los para pesquisas históricas, localização, estudo dos mais variados fenômenos e assim por diante. Hoje estou postando um interessante vídeo que recebi por e-mail, para vocês descontraírem. Esta é a versão legendada. Trata-se de um trecho de um episódio do antigo seriado Magaiver (MacGyver) – Profissão Perigo.

VOCÊ ACHA QUE REALMENTE SABE USAR UM MAPA?

Lembram dele? Eu era bem pequeno na época em que era exibido na TV, mas lembro que meu pai assistia sempre. :D

Assistam o vídeo até o final e vejam como esse personagem da ficção fez usos bem inusitados de um mapa convencional.

E ai? Você conseguiria sair de alguma dessas situações com algum dos modernos aparelhos de GPS?Como Usar um Mapa

Pessoal, deixem seus comentários, por exemplo, sobre os diferentes usos, mesmo que “normais”, que você já fez de um mapa. Leia também:

Assine nosso FeedAssine nosso Feed e receba nossas atualizações por e-mail. Curta nossa página no Facebook [PortalClickGeo] e siga nosso Twitter [@ClickGeo] para continuar atualizado sobre o Mundo das Geotecnologias.

Consultor em Geotecnologias, graduado em Geoprocessamento. Instrutor de diversos cursos, presenciais e online, sobre Geotecnologias com Softwares Livres com ênfase em QGIS, gvSIG, PostgreSQL/PostGIS, MapServer e i3Geo.

Cursos de Linux - 100% Online

5 comments on “Como Usar um Mapa

  1. Anderson,
    em 2001 recebi um arquivo em dwg que era exportado para dxf e embelezado no CorelDraw. As rodovias eram estilizadas.
    Em 2004 resolvemos levantar todas as rodovias federais e estaduais do estado com GPS móvel.
    Com o auxílio do Track Maker, começamos a transformar trechos rodoviários em dxf e substituir aqueles existentes e sem precisão alguma.
    Com a malha toda levantada, estamos agora tentando substituir a tecnologia pelo QGis.
    Esta é a razão que submeto meus questionamentos neste blog. Tem coisas ali que não consigo resolver. É o caso das distâncias rodoviárias. No início desta semana meu amigo Maurício introduziu o plugin road graph para a comunidade. Fiz a instalação mas ainda não consegui fazer funcionar.
    Tão breve quanto possível, teremos uma publicação web compatível com os noso usuários.
    É desta forma que vamos levando o barco. Por enquanto muita paciência. … E pesquisa.
    Aquele abraço.

  2. ahahah

    Esse video é demais. MacGyver é um classico…afinal o cara conseguia fazer uma bomba atómica com um chiclete e alguns clips de papel…ao menos eu acreditava nisso :P. Não perdia um episódio.

    Apesar de muitos falarem que os mapas em papel vão deixar de existir, acho muito dificil (falaram a mesma coisa dos livros quando surgiu o computador).

    Gosto muito dos mapas turísticos, sempre que visito uma cidade, tento comprar um…gosto de ver a forma como “representam” a cidade em função daquilo que podemos conhecer na mesma…claro que sem escalas ou preocupação com precisão.

    Grande abraço.

    • Oi Luiz, obrigado por seu comentário.
      Acho interessante que todo mundo comenta sobre essa “bomba com chiclete” :D
      Um Abraço!

  3. Puxa, não foi consultando mapas que a turma de policiais aprendeu a atirar, né?
    Quanto ao mapa, aquele foi feito de um material indestrutível, à prova de tudo.
    Bem, na qualidade de manter em dia o mapa rodoviário do RS, posso dizer que a boa utilização destes pedaços de papel, tiram muita gente de apuros.
    Abraços.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Curta: Portal ClickGeo