O QGIS é uma alternativa viável para o ArcGIS?

Cursos de Linux - 100% Online

10 Responses

  1. Iomara disse:

    Bom dia!

    Gostaria abri um arquivo shp no ArcGIS que foi gerado no QGIS como faço essa operação?
    Obrigada

    • Oi Iomara, como vai?
      O processo é o mesmo de quando você vai abrir um shapefile gerado no próprio ArcGIS. Use o ícone com sinal de [+].
      Abraço!

  2. Sergio Feuser disse:

    Foi muito interessante este teste. Na verdade eu já havia notado o poder de processamento do Qgis, mas de maneira mais empírica, sem fazer nenhum teste comparativo.
    O Qgis conseguiu processar arquivos grandes sem erros e sem travamentos onde o ArcGis e também o gvsig falharam.
    O gvsig tem problemas no uso de memória do java com arquivos muito grandes, mas o arcgis eu não sei…
    Aparentemente o Qgis consegue se sair bem trabalhando com arquivos grandes.

  3. Venisse disse:

    Gostaria de saber se as ferramentas são de uso similar?
    att
    Venisse

    • Na verdade não é apenas similar, mas em muitos casos o QGIS chega a ter melhor desempenho que o ArcGIS.
      Abraço!

  4. Renato disse:

    Fiquei igualmente impressionado com o desempenho do QGIS quando fui fazer o clip de um polígono em partes (separei os municípios de um shapefile de um Estado, onde eles estavam agrupados). Fiz nos dois, ArcGIS e QGIS, e o resultado foi que nop ArcGIS demorou um pouco mais e deu erro. No entanto não estou depreciando o software da ESRI, apenas divulgando uma constatação. Agora uma coisa é fato: o QGIS vem com tudo e creio que deverá balançar as estruturas. Com isso todos ganhamos!

  5. Sidney Goveia disse:

    Andreson,
    Faltou mencionar o principal, um técnico da ESRI que após não ter mais como contra argumentar sobre o desenpenho do ArcGIS 10, citou que eles iriam corrigir “essa falha” no ArcGIS 10.1 baseado no desenpenho do QGIS!

    Esdras,
    Claro que um único teste não é suficiente para balizar o melhor desempenho deste ou daquele programa, mas além desse teste ter sido bem interessante, veja que ele sucitou o interesse por novos testes, inclusive por nomes de peso como o Markus Neteler.
    Eu acho importante esses testes (“benchmarking”) para poder elucidar dúvidas sobre o desempenho e capacidades de programas de SIG, tenho certeza que ajuda a muitos Analistas de SIG na hora da escolha entre os diversos programas comerciais e livres (pense como é difícil montar um edital ou orientar a compra de um SIG sem esse tipo de conhecimento para validar a decisão do técnico.

    Abraços,
    Sidney.

    • Sidney, muito obrigado por suas observações adicionais.
      Foi muito bom você ter enviado aquela mensagem para a lista.
      Um forte abraço!

  6. Boa matéria Anderson.
    No entanto, penso que comparar softwares fazendo uso de apenas 1 ou 2 critérios é superficial. O interessante seria escolher vários critérios, tanto de funcionalidades quanto de desempenho, para se chegar a um resultado mais condizente.
    Abraços.

    • Esdras, concordo plenamente com você. Inclusive isso é pedido no artigo original, em inglês.
      Apenas quis ilustrar a comparação com esse caso curioso.
      Mas na dissertação citada no início do post há comparativos mais completos, com base em vários parâmetros. Veja lá.
      Abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *